Clicky

Encontro com Aline Sasahara

Parceiro: Sementeia19/02/2016

cartaz aline final

A documentarista Aline Sasahara, uma cineasta engajada com as causas sociais do nosso tempo, esteve no primeiro semestre deste ano na Unicamp participando de um debate a partir da exibição de algumas produções de sua autoria e de uma conversa com os alunos da disciplina/curso de extensão “ Meio Ambiente, Questão Agrária e Multimeios”. Sua vinda fez parte de uma série de encontros com documentaristas que organizado pela equipe do Sementeia/Terra Mãe.

foto do encontro da aline para semente

No dia 04/05/15 foram exibidos na Casa do Lago as produções “Raiz Forte”, que esboça um retrato do Movimento Sem Terra, e o curta “Urbanadas”, sobre o movimento de moradia em São Paulo.

Assista na íntegra o documentário “ Raíz Forte”:

Aqui o link para o vídeo “ Urbanadas” :

No dia 05/05/15 pela manhã foram exibidos as produções “Direitos Humanos”, “Mística” e “São Francisco Vivo” com debate após a sessão com a documentarista. No debate Aline comentou vários temas relacionados com seu processo de criação e produção. Recuperou o início de sua carreira, quando queria ser fotógrafa e trabalhou em diversas produções, optou por trabalhar com vídeo, mais simples que o cinema. Sua produção sempre foi engajada, a documentarista comentou as dificuldades de realizar produções mais militantes, é preciso trabalhar coletivamente, encontrar vias alternativas de financiamento. Aline considera seu trabalho importante mais pelas pessoas e histórias que apresenta do que pelo filme em si, reafirma ainda sua postura ética com os pessoas que retrata.  Afirma ainda que trabalhar com equipe reduzida facilita as relações com a comunidade e as pessoas da comunidade, pouco a pouco vai criando vínculos, fazendo parte. Durante o debate foram levantados ainda temas como a importância da comunicação para os movimentos sociais e como os realizadores podem contribuir para a divulgação das demandas e denúncia dos abusos e irregularidades a partir de suas produções e a partir da formação de pessoas da comunidade para que produzam suas próprias narrativas audiovisuais.

Aline afirma que considera o vídeo “Mística” um presente para militantes, assista aqui o vídeo completo:

No período da tarde a documentarista se reuniu junto ao grupo da disciplina/ curso de extensão “Meio Ambiente, Questão Agrária e Multimeios”  para uma assessoria aos projetos de documentário que estavam desenvolvendo. Cada grupo apresentou seu processo e dúvidas e Aline conversou pessoalmente com cada grupo.